Ninguém vai ouvir, mas Eyedi está de volta com a ótima “Luv Highway”

Eu conheci a Eyedi em 2016, quando olhava novos lançamentos num famoso site de download ilegal COMPRAS de música coreana. À época, a capa do single Sign me chamou atenção por lembrar a estética do livro “Memórias de uma Gueixa”. Imaginei que a faixa seria algo bem oriental, tal como releases do Flower, mas acabei me deparando com um Pop/Soul bem gostosinho e solar, casando perfeitamente com meu espírito em tal período, em que o Rio de Janeiro estava todinho de férias para as Olimpíadas e eu aproveitava bastante meus dias galinhando com gringas curtindo ao sol com meus amigos.

Continuei acompanhando a carreira da gatinha alternativa até que seu repertório compilou-se no excelente álbum, “Mix B”, solto no ano seguinte. Óbvio que não vendeu nada e que o coreano médio (exceto os trinta e quatro cidadãos que assistiram o MIXNINE) segue até hoje sem saber quem ela é. No entanto, a Bace Camp parece interessada em continuar investindo mesmo com tamanho flop, visto ter rolado um comeback essa semana com Luv Highway

…que eu já imagino que vocês detestarão por ser algo mais singelo, emotivo e não voltado para as pistas, mas eu adorei, achei ótima, linda e tudo mais.

O timbre da Eyedi é bonito demais e casa com esse tipo de interpretação e sonoridade. Os elementos instrumentais atrás vão surgindo conforme cada estrofe é cantada, um somando ao outro e criando um ar dramático super tocante. O primeiro refrão surge ainda na construção das camadas, quase que como uma introdução para a segunda rodada de estrofes, até que os refrães seguintes rolam com tudo já cheio.

O videoclipe com ela tendo um dia romântico com o cara do parque de diversões também casa legal com a proposta. É piegas, mas coerente, bem filmado, condizente. Incrível como essa primeira metade do ano tem proporcionado números desse tipo com uma qualidade bem alta. Didn’t Know MeDress Room e agora essa. Será que a Coreia finalmente aprendeu a fazer power ballads?

Só é uma pena a Eyedi ser tão, huh, chata como pessoa. Seria muito legal se a gravadora trabalhasse a carreira dela também como idol num girlgroup, coisa que ela conseguiu encarnar muito bem durante o MIXNINE, mas alega odiar, não querer “regredir” a esse ponto, sendo uma artista de verdade e zzzzzzzz. De que adianta ser ~original~ e ~verdadeira~ se ninguém vai prestar atenção? Um meio termo nisso aí seria interessante.

Anúncios

4 comentários em “Ninguém vai ouvir, mas Eyedi está de volta com a ótima “Luv Highway”

  1. Eu fiquei bem indiferente para essa música, foi a primeira coisa que vi dela sem ser mixnine, e achei bem qualquer coisa.
    Se ela não fosse chata podia se dar muito bem como idol, pq tem um visual incrível e ela segura bem o personagem.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Como eu não sou um espectador do mixnine, ou qualquer coisa do gênero, nunca ouvi nada dela, nem sequer sabia seu nome até hoje, porém, Luv Highway é realmente muito gostosa de se ouvir, é aquela música que provavelmente você escutaria dentro do ônibus olhando para janela enquanto espera chegar em casa, repousa a mente, e até o sovaco “cheiroso” do tio zé da construção não consegue te tirar do transe.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s