Com “love4eva”, Loona solta sua própria “Gee” atráves da unit yyxy (tá meio decepcionante)

E aí que a última unit pré-debut do Loona, yyxy, já está entre nós.

Como esses posts costumam ser enormes, não prenderei vocês em introduções longas. Confiram aí o MV de love4eva e vamos aos comentários…

…Huh, espera, acho que dessa vez o post não vai ser longo não. Na real, não há muito o que comentar aqui, convenhamos.

Preciso dizer que estou ao mesmo tempo feliz e decepcionado. A alegria vem por “love4eva” ser ainda outra daquelas reinvenções de Gee, do Girls’ Generation, tal como Oh, das próprias soshis, Service, do Vividiva, e Very Very Very, do I.O.I. Os sintetizadores de arcade, o arranjo espevitado super uptempo, tá tudo ali. Só faltou mesmo um refrão repetitivo ao extremo, mas não fez falta não. É um tipo de som maravilhoso, pouco explorado e que cola muito bem com essa estética j-idol/aegyo adotada. E é aí que entra o problema… Por que mesmo o grupo foi por esse caminho?

Quer dizer, isso aí está, basicamente, Loona 1/3. Qual o sentido de formarem duas subunidades com o mesmo conceito? Me soa um desperdício, visto parte da graça do projeto todo ser, justamente, as diferenças entre as subdivisões. As meninas fofinhas, as teenagers buscando um pouco mais de sensualidade e… Mais meninas fofinhas? Eer. Inclusive, vai de oposto com a imagem mais sombria que estava sendo construída através dos solos dessa era.

O MV, pelo que entendi, funciona tanto como um prequel para o clipe da Olivia, quanto para uma remontagem dos eventos nos da GoWon, da Yves e da Chuu. A Yves se rebela, aí as outras vão junto e a Olivia fica para trás, puta com tudo e todos. Talvez isso justifique a escolha por uma estética/sonoridade vibrante, com algo mais etéreo/dark vindo num repackage, que se passará após “Egoist”? Sei lá, espero que sim.

Enfim, tá legalzinho, “love4yves” é divertida sozinha, EU GOSTEI, mas não sei se tem como não se decepcionar um tiquinho com a história do ~loonaverso~ não andando dessa vez. Já está na hora dessa etapa ser concluída.

WTF a Grimes só falando na intro e nada mais. Que feat. inútil.

Obrigatório vídeo da pirralha colocado inorganicamente em todos os posts do Loona

Anúncios

15 comentários em “Com “love4eva”, Loona solta sua própria “Gee” atráves da unit yyxy (tá meio decepcionante)

  1. “WTF a Grimes só falando na intro e nada mais. Que feat. inútil.”

    Alguns fãs comentaram que parece que a Grimes também gravou algumas das batidas usadas na música. Se é verdade ou não, não faço ideia.

    Agora, já pensou se quem falasse na intro fosse A PIRRALHA? Com a voz falada um tanto peculiar dela? BBC, por que você deixou essa oportunidade passar??

    Curtir

  2. a Grimes só tá se envolendo em pseudo feats, primeiro foi aquele com a Janelle Monae e agora esse kkkk rainha tho
    sobre a música, boa, mas é isso. acho até legal a história não ser cheia de teoria, acho q já tava cansado de todo mv tendo milhões de coisas para fanficar e a história se enchendo cada vez mais. agora é só esperar o repack para finalizar a era e preparar para o debut. high hopes.

    Curtido por 1 pessoa

  3. Se fosse para comparar eu diria que essa música seria o “Era de Ultron” das gatas. É bom, é divertido, tem seus defeitos mas pode ser completamente ignorados e terminar com uma nota razoável ou boa. Mas o hype matou… Sei lá, espero que não seja esquecida no grupinho e no fim a gente perceba as qualidades dessa lindeza… Enfim, acho que esse foi bom para acalmar os nervos para o debut das gatas.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Achei a música bem mediana. Quanto ao MV, faltou um monte de easter eggs que já são esperados por quem acompanha as garotas. Sobre a Grimes, o “feat.” dela passa despercebido, podiam ter colocado ela como cúmplice da Olivia no MV ou qualquer coisa assim pra aumentar o hype. Mas com o tempo, dá pra aceitar a faixa calmamente. Só falta aparecer no top 50 de fim de ano do Igor, e por birra, tomara que o solo da Go Won apareça também. Se a CUBE pode ter sua Jimin, porque a BBC não? #JusticeforGoWon

    P.S.: Tomara que a Yeojin seja a protagonista do debut, já que a coitada foi barradíssima

    Curtir

    1. Huh, já adianto que é bem capaz de aparecer mesmo. É bem o tipo de música que dura bastante comigo.

      Já sobre o solo da Gowon, eu já tinha até esquecido que era desse ano, tava confundindo os meses com o da Chuu.

      Btw, vi nos comentários do Asian Mixtape (?) que os sapatos e a flor que as meninas desse MV comem aparece na cama da pirralha logo no começo de Kiss Later. Então, é bem provável que a minha fanfic fumada de todas irem salvar a Yeojin do sapão aleatoriamente se concretize.

      Curtir

  5. O clipe obrigatório da pirralha ahahahhahahaha ❤ Loonei nunca decepciona ❤ um dia esse hino injustiçado será devidamente reconhecido!!!

    Eu concordo com você, pra mim esse debut e repackage são o "antes e depois" do MV da Olívia, esse primeiro no caso conta como era o lugar e a vida dela antes de "cair" no balcão enferrujado e tacar fogo nas coisas tudo do passado por vingança, e o repackage vai ser o reencontro depois da treta todo e a resolução pra elas debutarem todas no espírito de harmonia e amizade!

    Curtido por 1 pessoa

  6. Revendo esse MV, tenho minhas dúvidas de que realmente tenham faltado easter eggs nele. Duas coisas me chamaram atenção:

    1) o “yyxy” aparecendo com um fundo verde e esfumaçado logo antes da cena da diretora inspecionando as mãos das quatro. Aquilo tá lá de graça? Em outras situações seria fácil dizer que sim, mas já aprendemos que no caso do LOONA qualquer cena pode ter um sentido oculto (vide a cena de meio segundo da Choerry encostando na parede em Sweet Crazy Love que parecia completamente aleatória e desprezível, até o MV da Go Won ser lançado…).

    2) a cena com elas comendo a rosa. O que ela representa? Nem dá pra dizer que são só meninas sendo meninas, porque o normal nesse caso seria elas CHEIRANDO a rosa, não MASTIGANDO ela…

    E aí, Lunei, arrisca algum palpite?

    Curtir

    1. A parada da rosa é que elas querem fazer analogia com tudo que for vermelho e comestível com o fruto proibido antes de debutar.

      Mas zoeiras a parte rosas são comestíveis, tpw hibisco e tals. Acho que é algo com ao invés de ter algo bonito e ornamental vc ir lá e consumir as coisas e viver a vida.

      Curtir

  7. A propósito, revendo também o MV de Love&Live, não pude deixar de notar um certo paralelo entre os dois: ambos trazem quatro garotas, onde três são claramente próximas enquanto a quarta (ViVi e Olivia, respectivamente) está isolada. ViVi é diferente das colegas do 1/3 por ser uma ciborgue alimentada por bateria (que permite que ela corra super rápido sem se cansar, jogue bolas de basquete na cesta com precisão cirúrgica e não precise se alimentar), enquanto a diferença da Olivia ainda não é clara (mas já especularam que ela pode ser uma dedo-duro pra diretora do que as outras fazem, vide a cena da diretora descobrindo as meias sujas de terra e dando um esporro na Yves).

    Nesse ponto eles são semelhantes, mas na forma como eles se desenvolvem, não:

    – No caso do 1/3, as meninas parecem aceitar a ViVi na turma, a ponto dela sair passear com ela e ganhar caixinhas de suco (que ela não precisa beber, mas vemos que ela guarda todas como uma lembrança). O MV termina com a ViVi abandonando sua mochila e correndo sem ela, provavelmente representando a determinação dela em ser como as amigas; no final, a bateria acaba… e ela fica cansada, possivelmente representando que ela conseguiu superar sua limitação tecnológica e se reconectar com seu lado humano.

    – Já com as yyxy, a Olivia acaba sendo segregada pelas colegas, culminando com as outras três fugindo do “Éden” sem ela. É interessante notar que, assim como a ViVi, a Olivia também parece tentar ser como as outras, indo até a floresta… a diferença é que, enquanto a ViVi foi até o fim da limitação dela (a bateria), a Olivia não teve coragem de seguir adiante e voltou sozinha pro “Éden”.

    É um paralelo interessante, não acham? Pode ser forçação de barra, mas sei lá, acho que essa interpretação faz algum sentido.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s